• Medicina Preventiva

Conheça a historia, evolução e o mapa em tempo real da epidemia

Breve introdução do vírus que se tem espalhado pelo mundo

Coronavirus (CoV) constitui de um vírus pertencente a família viral desde 1960, agentes infecciosos que provocam sintomas de resfriado ou manifestações mais graves, sua transmissão era mais comum em animais porem já atingiram humanos antes.


Sua família de vírus já trouxe epidemias para saúde humana como as doença

SARS- CoV (Síndrome Respirometria Aguda Grave)

MERS- CoV (Síndrome Respiratória do Oriente Médio)


Porem o intitulado Coronavirus 2019-nCoV nunca teve contato com humanos, por esse motivo esta havendo alarmes de Pandemia e procuras de prevenção com a saúde, por nunca ter atingido nosso sistema imunológico não possuímos anticorpos para combater a doenças. E até o momento não existe vacina disponível para doença.


Nessa matéria temos como fundamento explicar e instruir o publico a se prevenir e entender sobre esse novo vírus.



TRANSMISSÃO

Ate o momento sabemos que sua transmissão se deu inicio na cidade de Wuhan, na China, possivelmente pelo contato animal-humano nos mercados públicos de animais silvestres e marinhos, muito comum no país. Porem, o boato que se tem instalado que esse vírus se originou pelo consumo da carne de morcego, não foi comprovado, tanto o morcego como outros animais silvestres podem ser "portador" do vírus. A teoria do morcego ser o principal transmissor veio por ele ser portador de números consideráveis de coronavírus diferentes. Apontando assim que o seu voo pode ter deixando para trás um rastro de coronavírus em seus excrementos, que caem em meio à vegetação de uma floresta. Podendo assim contaminar outros animais silvestres que venha ser capturado futurante, e vendido nos mercados silvestres. Acontece que a carne do morcego era consumida muito antes desse novo vírus se espalhar, o que especialistas pesquisam é de onde se originou o vírus Covid-19, se foi por meio de uma evolução ou mutação que passou de uma especie pra outra.



O INICIO DO SURTO

Sabemos que a epidemia teve inicio no mercado Wuhan, que após o surto vir a tona foi fechado. O mercado comportava muitas especies de animais silvestres, tanto viva quanto abatidas, entre as especiais haviam coalas, camelos, filhotes de lobos, civetas, porcos-espinhos, salamandras, tartarugas crocodilos, entre outras.


Não foram encontrados morcegos sendo vendido no local, porem investigações indicam que essa especia já fora vendida nesse mercado.

Com base no ambiente que se originou podemos supor, que as condições que os mercados criam se torna propicia para propagação do vírus entre especie, gerando a mutuação do vírus inicial que se alastra entre as especies chegando ate o ser humano


Historicamente já houve surtos envolvendo o coronavírus, a doença SARS, originou- se igual a atual, através de contato com animais silvestres, o surto ocorreu em 2002, e mercados silvestres foram fechado proibiram a venda destes animais. Porem ao cessar a polemica do surto, todos os mercados reabriram e voltarão a comercializar os produtos.


LINHA DO TEMPO DO VÍRUS ATÉ CHEGAR AO BRASIL

17 DE DEZEMBRO 2019


  • Conforme estudo feito pela Academia Chinesa de Ciências, foi identificado o paciente 0 que foi infectado pelo novo coronavírus, na cidade de Wuhan no dia 17 de dezembro de 2019. Este paciente teria começado a infectar as pessoas no dia 24 de dezembro, onde todas as amostras coletadas de outros pacientes retorna a ele.




31 DE DEZEMBRO 2019


  • Algumas pessoas da cidade de Wuhan, dão entrada em hospitais alegando os mesmos sintomas de doenças pulmonar e começa a preocupar autoridades locais . Que emitiram um alerta de casos de pneumonia com origem desconhecida.


8 DE JANEIRO 2020


  • Preocupação toma conta da China ao ser comprovado que o vírus causador de doenças pulmonar, que adoeceu dezenas de pessoas é da família Coronavírus




















11 DE JANEIRO 2020


  • China anuncia a primeira morte de paciente com coronavírus


13 DE JANEIRO 2020


  • ONGS identificam primeiro caso de coronavírus na Tailândia, paciente havia voltado de uma viagem a Wuhan.

Nos dias seguintes, o coronavírus foi identificado no Japão, Coreia do Sul e Taiwan.


17 DE JANEIRO 2020


  • O Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), começam a realizar medidas de triagem e rastreamento de viajantes da China nos aeroportos de Nova York, Los Angeles e São Francisco, que recebem voos de Wuhan



























22 DE JANEIRO 2020


  • A Secretaria de Saúde de Minas Gerais informa que foi registrado no Estado o primeiro caso suspeito de infecção em uma paciente que chegou a Belo Horizonte vinda da China no último sábado.

O Ministério da Saúde, no entanto, nega que haja casos suspeitos no país.



24 DE JANEIRO 2020


  • França confirma internação de 3 pacientes que contraíram o vírus, sendo os primeiros casos na Europa

Na China medidas de contenção foram tomadas atingindo 40 milhões de pessoas e provoca o fechamento da visitação a trechos da Grande Muralha da China.



26 DE JANEIRO 2020


  • Apos o ano novo Chines novos casos são confirmados na Europa (França e Alemanha) e na África (Costa do Marfim). Estados Unidos notifica outros três casos


27 DE JANEIRO 2020


  • Prefeito de Wuhan admite que demorou para agir e pede demissão do cargo. Profissionais de saúde denunciam o governo pela reação lenta à crise.

O número de mortos cresceu para 106 e o de infectados, para 4.515



28 DE JANEIRO 2020


  • Família brasileira internada nas Filipinas por suspeita de terem contraído o coronavírus em Wuhan, na China, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, em Brasilia, que o resgate desses cidadãos "não seria oportuno" porque traria riscos ao país


Confirmado um caso suspeito de coronavírus em Minas Gerais. A paciente, que está isolada em uma ala de um hospital de referência em Belo Horizonte, esteve em Wuhan e retornou ao Brasil no último dia 24 depois de passar por Paris e São Paulo.















29 DE JANEIRO 2020


  • No Brasil, O Ministério da Saúde afirmou que há nove casos suspeitos no país — São Paulo, Santa Catarina , Minas Gerais, Rio de Janeiro , Paraná  e Ceará, cuja situação está sendo analisada. Todos vieram da China.



30 DE JANEIRO 2020


  • OMS declara emergência de saúde pública global por surto de coronavírus



2 DE FEVEREIRO 2020


  • Após vídeo de Brasileira que mora na cidade de Wuhan, governo decide trazer de volta ao pais e mate-los em quarentena




















Como medida de prevenção as pessoas localizadas em regiões com muitos com focos do vírus, ou ate mesmo para os que tem viagem marcada. foi desenvolvido um mapa em tempo real que aponta as regiões que tem mais foco da doença, click e confira


CONFIRA O MAPA EM TEMPO REAL QUE PONTUA REGIÕES COM CASOS DE CORONAVÍRUS







0 visualização

FALE CONOSCO

Tel.: (11) 3105-3399

WhatsApp: (11) 99944-9416

Contato@ferrarezi.com.br

End.: Rua Juventus, 193 - Parque da Mooca, São Paulo - SP

ACESSOS

NOSSAS SOLUÇÕES